quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

S.O.S Carnaval - Parte 2


Depois de garantir a sua fantasia, chega a hora de se programar para os inúmeros blocos e micaretas da maior festa do ano! Isso significa adquirir seu abadá e... Espera aí! Abadá = Padrão = Todo mundo igual! Para quem gosta de ser diferente e se destacar na multidão, um abadá, sinônimo da padronização, é o pior dos pesadelos no Carnaval. Quer dizer... Era!! Porque agora você vai aprender com o "Ops!" a customizar o seu abadá para fazer bonito e arrasar mais uma vez, transformando esse pesadelo numa peça que combina e valoriza você!



Antes de mais nada, achei viável iniciar o post com algumas dicas de cuidados, para conservar o seu abadá. Vale a pena dar uma lida:

  • Lave o abadá à mão, evite máquina de lavar ou tanquinho.
  • Antes de customizá-lo ou reformá-lo, informe-se sobre o que pode ou não ser retirado do seu abadá (logos, patrocínios, etc).
  • Caso o abadá desfie ao ser cortado, utilize base de unha ou qualquer tipo de cola no local desfiado para evitar que o problema se agrave.
  • Na hora de vestir o abadá customizado (em caso de frente única), ajuste o decote na altura desejada e, só depois, amarre no pescoço. Lembre sempre de ajustar o nó de trás na altura do top ou sutiã para evitar que o decote suba.

Agora vamos ao que interessa! Escolhi alguns modelos para mostrar o passo-a-passo da produção. Começando por esse modelo costas nuas... Para quem já tem a prática do corte e está atrasado é uma mão na roda: simples e rápido de fazer! Na frente, parece básico, mas as costas surpreendem e, por se tratar de um modelo simples e de abertura grande, deixa você mais à vontade para dançar e diminui bastante o calor!


Particularmente, como já falei aqui, adoro criar e customizar minhas peças. E no que diz respeito a abadás, não poderia ser diferente, né?! hahaha... Pois bem, testando em abadás antigos, acabei bolando um modelo bem a minha cara. É relativamente rápido, e se diferencia dos demais por causa do detalhe nas costas. Já customizei várias vezes meus abadás e os de minhas amigas dessa maneira e consegui criar o passo-a-passo do modelo no photoshop (vocês não têm noção de como isso deu um trabalhão kkkkkkk). Pena não ter uma foto com o abadá pronto e vestido para mostrar como fica no corpo, mas... Voila!


(Quanto maior for o corte do item 5, mais aberta ficará a parte das costas e melhor parecerá o "efeito" do trançado feito com a barrinha)


Consegui outros modelinhos garimpando em alguns sites na internet. Esse da figura é para as que gostam de algo mais meiguinho e comportado. Os furinhos da frente devem ser feitos abaixo dos seios. Eles valorizam a cintura e "aumentam" o volume do colo. Perfeito!




Bem... Como eu sei que também tem muita gente que prefere fazer modelos mais elaborados e deixar o trabalho para a costureira, selecionei algumas imagens com modelinhos lindos. Indico recorrer à ajuda profissional aquelas que não têm muita noção de corte e costura (principalmente de corte) ou que vão usar o abadá mais de uma vez no carnaval (isso vai evitar que o abadá desfie e arrebente, já que, nas customizações práticas e rápidas que mostrei acima, não há uso de máquina de costura).

Essa primeira imagem mostra 4 modelitos muito lindinhos e simples, que se ajustam bem ao corpo e podem inclusive ser incrementados com aplicações de paetês ou lantejoulas.


Aí vão outras fotos de garotas com abadás em looks bem descolados, para servir de inspiração:



Muitas celebridades também já desfilaram por aí com modelitos super fofos e podem servir de inspiração na hora da escolha do seu. Dá uma olhadinha nesses:






Como citei acima, fazer aplicações no abadá é uma excelente opção! As aplicações de paetês e lantejoulas podem ser feitas com linha ou com uma cola especial que é vendida em armarinhos. Indico essa cola e não a tão usada cola-quente, porque ela gruda perfeitamente e evita que as pecinhas aplicadas caiam com o movimento, ao contrário da cola-quente. Aplicar ou amarrar fitinhas também ajuda a dar aquela diferenciada no abadá. Enfim... Basta usar um pouco de criatividade e bom gosto e sair por aí arrasando com seu abadá super estilizado!

É isso, menina! Na sequência, como continuação da parte 2, vou postar as tão pedidas dicas de looks para as prévias de Carnaval, micaretas, dia-a-dia, etc. É que o post acabou ficando mais extenso do que eu previa, então, quis postar logo a parte de customização, para adiantar e acabar com o suspense rsrsrs... Espero ter ajudado =D

7 comentários:

Anônimo disse...

Muito criatio ! Parabens pelo post :D

P.S. Ainda vai ter a Parte 3 ?

Kallina disse...

adoorei, super fofinho *-* todos :*

Analu Barbosa disse...

Vai sim!! Na verdade, vai ter uma continuação da Parte 2 com os looks para usar em micaretas, blocos sem abadá, virgens, gagau e tal (não postei tudo junto pq tava ficando super extenso e me faria demorar mais)... E na próxima semana, posto a Parte 3 com dicas de make e cabelo =D

Amanda :D disse...

Ameeei. Tenho um pouco de medo de customizar o abada, tipo medo de dar algo errado e eu ficar sem :((

Anônimo disse...

Nalu, voce eh a melhor blogueira desse blog. Seus posts sao os melhores. Nao se compara com os outros...

Ops! disse...

Amanda, sei como é isso... No começo também ficava com receio de errar o corte e perder o abadá. Mas a prática te dá mais segurança, por isso, procura uns abadás ou camisas velhas em casa e vai treinando! Pode até ousar e criar um modelo próprio para customizar... Dá um prazer enorme vestir algo de sua própria autoria! rsrsrs.. E para ajudar, escolhe uma tesoura grande e que não esteja sem o fio! Tesoura ruim, principalmente para quem tá começando, pode detonar tudooo! :S Aaahh... Obrigada pelos elogios, meninas!! Tou super feliz por estarem gostando! BeijOps, Nalu Caroba!

Anônimo disse...

Nalu vc com certeza é ótima!!!!
criatividade a flor da pele.
Arrasou

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...